Exportações catarinenses de carnes têm saldo positivo em 2017

Exportações catarinenses de carnes têm saldo positivo em 2017

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Rate this article:
No rating

Exportações catarinenses de carne suína e de frango registram queda em setembro. Após o recorde de exportações em agosto, Santa Catarina diminui as vendas de carnes para o exterior. A boa notícia é que o resultado do último mês não interfere no desempenho do setor ao longo do ano. Em 2017 a arrecadação com as exportações de carne suína já é 27,5% maior do que no mesmo período do ano passado, o mesmo acontece com a carne de frango que teve um crescimento de 7,5% nas receitas.

O mês de setembro encerrou com 89,5 mil toneladas de carne de frango exportadas, quase 8% a menos do que em agosto. E o faturamento chegou a US$ 168,5 milhões, uma queda de 3,8% em relação ao último mês. Isso pode ser explicado porque cinco grandes importadores diminuíram as compras em setembro, em especial Japão e China, principais destinos da carne de frango catarinense.

Ainda assim, os valores de setembro estão acima da média do ano, tanto em termos de quantidade quanto de receitas. De janeiro a setembro, foram embarcadas mais de 742 mil toneladas de carne de frango, gerando receitas de US$ 1,3 bilhão – 7,5% a mais do que no mesmo período de 2016.

Carne suína

Em agosto as exportações de carne suína tiveram o melhor resultado já obtido em um único mês no estado. Já em setembro, as vendas do produto para outros países foram 25,8% menores e o faturamento caiu em 23,2%.

Ao todo foram embarcadas 22 mil toneladas do produto, arrecadando US$ 48,9 milhões. O resultado é reflexo da retração nas vendas para a Rússia, principal destino da carne suína catarinense. Em setembro, as exportações para aquele país foram 16% menores do que no mesmo mês de 2016.

Assim como acontece na avicultura, o resultado abaixo do esperado não compromete o bom desempenho ao longo do ano. Em 2017, as exportações já superam as 213 mil toneladas e o faturamento soma US$ 500,4 milhões – 27,5% a mais do que no mesmo período de 2017.

 

Exportações do Brasil

Como grande produtor e exportador de carnes, o desempenho de Santa Catarina tem impacto direto nos resultados brasileiros. E assim como o estado, o país também ampliou o faturamento com as vendas de carne suína e de frango em 2017 e, somado, chegou a US$ 6,68 bilhões.

De janeiro a setembro, o Brasil já exportou 3,2 milhões de toneladas de carne de frango e as receitas já passam de US$ 5,4 bilhões em 2017 – superando em 5,3% o último ano.  No mesmo período foram 520,5 mil toneladas de carne suína com um faturamento de US$ 1,23 bilhões – 17,7% a mais do que em 2016.

Contudo, assim como em Santa Catarina, no âmbito nacional também foram registradas quedas nas quantidades exportadas em setembro, em relação ao mês anterior: -10,78% no caso da carne suína e -6,71% para a carne de frango.

Os números foram divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e analisados pelo Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Cepa/Epagri).

 

Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca

Number of views (66)/Comments (0)

Tags:

Please login or register to post comments.

Cotação (máx)
R$ 2,25
Frango/CE
R$ 2,50
Frango/PR *
R$ 2,55
Frango/SC *
R$ 2,60
Frango/RS *
R$ 2,70
Frango/SP *
R$ 76,48
OvoBranco/SP *
R$ 90,31
OvoVermelho/SP *
R$ 62,00
Soja/RS
R$ 63,90
Soja/PR
R$ 64,50
Soja/SC
R$ 28,08
Milho/PR
R$ 30,05
Milho/SP
R$ 30,38
Milho/SC
R$ 32,33
Milho/RS
R$ 3,52
Frango Resfriado/SP *



Powered by BlueServer

O Setor Avícola é um veículo de propriedade do Grupo Agro.

Endereço: Bairro Santa Maria, Rua Curitiba, 727d. CEP 89812150. Chapecó - SC.

Telefone: (49) 3304 - 9240.